Receba Folha do Centro gratuitamente - Mande um Whatsapp para (21) 96471-7966 Edição N° 292 - Janeiro de 2021.
COLUNAS
NOTICIAS
FOTOS
SERVIÇOS
PREVISÃO DO TEMPO
  Fala Dr.  
Cuidados com a saúde na hora de correr

Ana Paula Simões
Professora Instrutora da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia
e Mestre em Medicina, Ortopedia e Traumatologia
Com o retorno de muitas atividades físicas ao ar livre, a corrida tem sido uma alternativa bastante eficiente para quem quer se exercitar. Quando estamos correndo, podemos dar até 200 passos por minuto. Cada passo faz um impacto que envia uma forte energia através de seus pés, tornozelos, pernas, panturrilhas e joelhos. Essa força é transmitida também aos quadris e até mesmo para o abdômen e região lombar. Eventualmente, todos esses impactos irão inevitavelmente causar um pouco de dor.
Para alguns corredores profissionais, a dor é inevitável; já os corredores recreativos têm problemas para lidar com a dor, pois ainda não estão acostumados nem sabem identificar a gravidade das mesmas. Não se pode simplesmente “ignorar” a dor, no entanto, a chave para administrá-la é saber a diferença entre uma dor temporária, dor grave o suficiente para empregar gelo e compressão, e algo que requer uma visita ao ortopedista.
A lesão muscular mostra-se como uma dor súbita na corrida que não vai embora e mantém-se constante durante todo treino/prova. Mais tarde, ele se tornará inchado, doloroso e, possivelmente, ruborizado. O tratamento é semelhante em todos os casos de lesões musculares e varia de acordo com o grau da lesão e o tempo de recuperação à medida que aumenta a gravidade. Existem algumas condições médicas que aparecem como câimbras musculares, por isso, se você tem essa queixa frequente, procure um especialista para investigar!

 

 
CAPA
EDIÇÕES ANTERIORES
www.jornalfolhadocentro.com.br
Admin
© 2007- FOLHA DO CENTRO - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por DMS
 
 
..