Receba Folha do Centro gratuitamente - Mande um Whatsapp para (21) 96471-7966 Edição N° 285 - Junho de 2020.
COLUNAS
NOTICIAS
FOTOS
SERVIÇOS
PREVISÃO DO TEMPO

Valor de locação no Rio de Janeiro cresce ao longo do semestre

Estudo do Imovelweb mostra que o bairro do Maracanã foi o que registrou maior aumento no preço do aluguel nos últimos 12 meses
Embora tenha registrado leve crescimento em abril e maio (1%), o valor de locação de um imóvel padrão (65m², 2 dormitórios e 1 vaga de garagem) cresceu 4,4% de janeiro até o mês de maio, ficando R$ 1.806,00/mês. É o que aponta o estudo do Imovelweb, um dos maiores portais imobiliários do País.
Analisando a evolução imobiliária dos últimos 12 meses, o bairro Maracanã (R$ 1.576,00/mês) registrou o maior aumento no valor médio do aluguel (14,3%). Bangu (13,6%) e Pechincha (11,4%) aparecem logo depois, com médias de R$ 1.019,00/mês e R$ 1.345,00/mês.
Cascadura (R$ 1.077,00/mês) apresenta a maior desvalorização, com índice negativo de 16,5%, seguido de Santo Cristo (R$ 2.184,00/mês) e Lapa (R$ 2.298,00/mês), com quedas de 15,6% e 9,5%, respectivamente.
Saiba quais áreas possuem os alugueis mais caros e econômicos do Rio de Janeiro:
Além da alta do aluguel, a rentabilidade imobiliária também segue trajetória de crescimento na cidade, registrando média de 4,6%, no mês de maio. A partir desse indicador, podemos calcular que são necessários, em média, 21,8 anos de aluguel para retomar o valor investido da compra de um imóvel. Tempo 6,3% menor que há um ano.
Além disso, o estudo também mostra quais bairros possuem índices mais altos e baixos de rentabilidade. Os mais atrativos em maio foram: Senador Vasconcelos (7,4%), Vila Valqueire (6,4%) e Praça Seca (6,1%). Já os menos rentáveis são: Lagoa (3,1%), Gávea (3,2%) e Jardim Botânico (3,4%).
Seguem as regiões que se destacam pelo maior ou menor índice de preço de venda X aluguel são:
Preço do m² cai 3,9% nos últimos 12 meses
Em maio, o valor de compra no Rio de Janeiro caiu 1%, ficando em torno de R$ 7.511,00/m², segundo o Index elaborado pelo Imovelweb. De janeiro a maio, a baixa foi de 2,5%, e comparando ao mesmo mês no ano passado, a desvalorização foi de 3,9%.
Nos últimos 12 meses, Encantado foi o local que registrou o maior aumento no preço do metro quadrado, com crescimento de 17,3%, ficando em R$ 4.793,00/m². Na sequência aparecem Bento Ribeiro (R$ 4.336,00/m²), com alta de 17,2%, e Vista Alegre (R$ 4.351,00/m²) com índice positivo de 13,3%.
Já Vigário Geral (R$ 2.775,00/m²), Senador Vasconcelos (R$ 2.165,00/m²) e Praça Seca (R$ 3.049,00/m²) são os bairros que sofreram as maiores quedas no valor do m², neste mesmo período, apresentando quedas de 20,0%, 19,1% e 16,7%, respectivamente.
Conheça onde estão localizados os m² mais caros e baratos do Rio:
Sobre o Imovelweb:
Com 20 anos de existência, o Imovelweb é um dos maiores portais do mercado imobiliário do Brasil. Referência em Real Estate, com cerca de 200 colaboradores no Brasil, é uma multinacional sólida, de capilaridade nacional e com a maior capacidade de investimento do mercado em plataforma digital. O Imovelweb se destaca em seu mercado por representar o consumidor em todas as suas necessidades e momentos de vida, oferecendo as melhores oportunidades de negócios do setor imobiliário no Brasil. Mais informações em www.imovelweb.com.br.

 

 
CAPA
EDIÇÕES ANTERIORES
www.jornalfolhadocentro.com.br
Admin
© 2007- FOLHA DO CENTRO - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por DMS