ANUNCIE NA FOLHA DO CENTRO - LIGUE TEL. 2242-9344 Edição N° 281 - Fevereiro de 2020.
COLUNAS
NOTICIAS
FOTOS
SERVIÇOS
PREVISÃO DO TEMPO

RAINHAS DO CENTRO

As rainhas de Bateria definitivamente são umas das personalidades mais aguardadas nos desfiles das escolas de samba na Sapucaí. Elas sempre promovem um show à parte na frente das baterias, ostentando beleza, corpos exuberantes e luxuosas fantasias no posto mais disputado dentro das agremiações. Com muita beleza, simpatia e samba no pé, as rainhas de bateria das escolas de samba da região Central da cidade já estão se preparando para brilharem, na reta final do carnaval 2020.
Na Estácio de Sá, Jack Maia foi alçada ao posto de rainha, após desfilar como musa da escola ano passado. Ela foi durante sete anos rainha da Acadêmicos de Santa Cruz, que desfila pela série A. Evelyn Bastos segue à frente da bateria da verde e rosa da Mangueira, onde ocupa o cargo de rainha desde o carnaval 2014.
Viviane Araújo consagra o seu 12º desfile consecutivo com a coroa de rainha dos ritmistas da bateria Furiosa do Salgueiro. Na São Clemente, a mais jovem rainha do grupo especial, Raphaela Gomes já se consagrou no trono da Fiel bateria Clementina, onde estreou no cargo aos 15 anos de idade. A cantora Lexa iniciou como rainha de bateria na série A com a Unidos de Bangu ano passado, e agora assumiu o posto na Unidos da Tijuca, no Grupo especial.
Em São Cristóvão, a Paraíso do Tuiuti trouxe a apresentadora Lívia Andrade para ocupar o trono da escola. Lívia, já consagrada no carnaval paulistano, faz sua estréia como rainha no grupo especial do Rio de Janeiro.
No desfile das escolas de samba, as rainhas de bateria não são um quesito avaliado individualmente, mas encaixam-se no quesito alegorias e adereços e são avaliadas suas fantasias e seu desempenho durante a passagem da agremiação.

 

 
CAPA
EDIÇÕES ANTERIORES
www.jornalfolhadocentro.com.br
Admin
© 2007- FOLHA DO CENTRO - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por DMS