FOLHA DO CENTRO - ESTÁ COMPLETANDO 24 ANOS EM AGOSTO Edição N° 274 - Julho de 2019.
COLUNAS
NOTICIAS
FOTOS
SERVIÇOS
PREVISÃO DO TEMPO
  Carta do Leitor  

Até quando vamos conviver com o lixo?
Sou moradora da Rua André Cavalcanti e frequento bastante as ruas do bairro. Fico entristecida ao ver o descaso que estamos sofrendo em relação ao recolhimento de lixo. Faltam lixeiras nas ruas, mas também falta educação nas pessoas para não joguem lixo em qualquer lugar. Estamos com excesso de moradores de rua e com isso eles costumam vasculhar os sacos de lixo, deixando tudo espalhado nas ruas. Nosso bairro é lindo e histórico e merece um pouco mais de cuidado. Estamos nos sentido desvalorizados com tanto descuido. Até quando vamos conviver com o lixo?
Luciana Lima – Via Facebook
Melhor Arraiá da cidade!
Aqui no centro ainda tem muitas festas juninas acontecendo, e ainda vão ter muitas festas julinas também, mas pra mim o arraiá da Catedral Metropolitana é o melhor da cidade. Todo ano eu vou com a família, e é sempre muito agradável. É uma festa de família e bem divertida. Este ano fiquei encantada com a quantidade de crianças que estavam na festa. Nos que moramos aqui no Centro temos poucas opções de lazer onde se possa levar as crianças com segurança e o arraia é sempre uma grande atração para as famílias. Tudo estava muito bem organizado e fiquei feliz ao ver que o nosso arraiá cresce a cada ano.
Ana Ferreira – Via Facebook
Falta de respeito com a lei do silêncio
Moro na Lapa e entendo que o bairro é também um local turístico e cheio de eventos, mas aqui também existem milhares de moradores que precisam ser respeitados na lei do silêncio. Não é raro encontrar som nas alturas depois das 22h. Muitas vezes durante toda a madrugada o som alto se estende, perturbando a paz e o silêncio dos moradores. A mim particularmente não incomoda porque não moro perto do barulho, mas muitos amigos meus reclamam do excesso de barulho, principalmente aos finais de semana. Tenho um conhecido que está até pensando em se mudar por conta do barulho. A lei existe para ser respeitada e a fiscalização deveria ser mais eficiente e multar os estabelecimentos e eventos que descumprirem o horário.
Luiz Correia – Via Messenger

 

 
CAPA
EDIÇÕES ANTERIORES
www.jornalfolhadocentro.com.br
Admin
© 2007- FOLHA DO CENTRO - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por DMS