FOLHA DO CENTRO - 23 ANOS DE EXISTÊNCIA Edição N° 262 - Julho de 2018.
COLUNAS
NOTICIAS
FOTOS
SERVIÇOS
PREVISÃO DO TEMPO
  Página da Saara  
Festa Julina continua na Saara!

Na primeira quinzena de Julho ainda paira o clima da Copa do Mundo, mas na Saara as tradicionais festas julinas estão sendo celebradas com carinho pelos comerciantes. Lojas decoradas, diversidade de opções e vestimentas características, fazem da Saara o melhor ambiente para promover e comemorar as festas típicas.
Tradicional nos meses de junho e julho no Brasil, os arraiás, como as festas de São João celebram o folclore brasileiro em um dos rituais mais importantes da cultura nacional. Para celebrar, na Saara é fácil de encontrar todo tipo de material típicos desta época do ano. Seja na parte gastronômica, nas vestimentas ou na decoração, a Saara sai na frente e faz o maior arraiá do Rio de Janeiro.
Na loja Super Festas, por exemplo, um chapéu de palha desfiado custa em média R$ 4,90. Chapéu de cangaceiro pelo mesmo preço é uma das opções. A Saara continua em ritmo de festa julina. Lojas enfeitadas para a Copa dividem espaço com as decorações da temporada de festas.
A caracterização típica é um dos pontos fortes da Saara nesta época do ano. As fantasias estão sempre com preços acessíveis a todos os públicos. Os comerciantes do maior mercado popular do Rio estão de olho nas festas julinas e apostam no aumento das vendas.
Com promessas de novidades e preços atraentes, comerciantes e varejistas têm boas expectativas já que a Copa do Mundo afetou o fluxo de vendas.
Festa julina é uma expressão que faz referência às festas juninas, mas quando estas são realizadas durante o mês de julho. Existe um grande debate em torno do uso da expressão “festas julinas”. Algumas pessoas alegam ser apenas uma alternativa criada para que aqueles que não conseguem celebrar as festas juninas em junho possam comemorar durante o mês seguinte.
No entanto, outros grupos desconsideram este argumento, pois dizem que as famosas festas juninas já foram enraizadas e estão bem caracterizadas na sociedade. Por este motivo, as festas juninas poderiam ser celebradas em qualquer mês do ano, sem que as pessoas deixassem de entender o sentido destas festividades.
Seja Junina ou Julina, a Saara faz a festa oferece tudo para o melhor arraiá que se possa imaginar.

 

 
CAPA
EDIÇÕES ANTERIORES
www.jornalfolhadocentro.com.br
Admin
© 2007- FOLHA DO CENTRO - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por DMS
 
 
..