FOLHA DO CENTRO - 23 ANOS DE EXISTÊNCIA Edição N° 256 - Janeiro de 2018.
COLUNAS
NOTICIAS
FOTOS
SERVIÇOS
PREVISÃO DO TEMPO
  Falando da Cidade  
Carlos Augusto da Cidade - carlosaugustodacidaderj@gmail.com

 

Salário só depois que pagar os servidores
O ano de 2018 começa com uma novidade no funcionalismo público do Município. A Câmara de Vereadores da cidade aprovou uma lei que não permite que o Prefeito Marcelo Crivella receba seu salário e nem pague os seus secretários, sem que antes tenha feito o pagamento de todos os servidores do Município. O projeto, de autoria do Vereador David Miranda (PSOL), foi aprovado por unanimidade na Câmara. O vereador autor do projeto salientou ainda, que existem mais dois projetos para proteger os salários dos servidores, caso a Prefeitura do Rio atrase no pagamento. Poucos dias antes da aprovação do Projeto, Crivella criou um decreto que altera as datas de pagamento dos servidores. Com a nova lei, o Prefeito só poderá receber depois de pagar todos os quase 170 mil funcionários do Município. Ainda sobre o assunto, a Justiça negou recentemente um pedido de aumento de salário dos servidores, movido pelo Sindicato dos Servidores Públicos do Município.

Relógio da Central ainda parado no Tempo
O ano novo chegou mas o relógio da Central continua parado no tempo! O símbolo da estação de trem mais famosa do Brasil está marcando a mesma hora há quase um ano. O Relógio é um importante símbolo da história do Rio de Janeiro e agora representa o abandono. A Secretaria Estadual de Segurança, responsável pelo prédio onde está localizado o relógio, ainda não tem previsão de quando as duas faces que estão paradas voltarão a funcionar normalmente, já que o Estado não tem recursos para a manutenção. O relógio da Central é um dos símbolos do Rio de Janeiro e do Centro da Cidade. O prédio foi construído em 1929 e o relógio fica a 110 metros de altura. Todos os dias, cerca de 600 mil pessoas circulam em algum momento pela Estação Central do Brasil. O único funcionário responsável pela manutenção do relógio está de licença médica desde o início do ano passado. Em tempos de tecnologia, todos têm acesso às horas através dos smartphones, mas os relógios da Central ajudou durante muito tempo, os cariocas a acertarem os ponteiros dos seus relógios.

Paisagem verde nos Arcos da Lapa
Quem passa ali pela Praça Cardeal Câmara, que circunda os Arcos da Lapa deve ter percebido que um tapete verde agora faz parte da paisagem. Uma parceria de grupos socioambientais com a Organicidade plantou mais de mil mudas de mais 30 espécies, que revitalizaram o canteiro principal da Praça. O processo de transformação do solo começou há um ano, e agora nos presenteia com uma área verde onde antes só havia uma terra árida. Primeiramente foi feita a recuperação do solo, com cobertura de matéria orgânica oriunda de podas. Em apenas um ano, o cenário foi completamente transformado com o cultivo dessa área verde. O projeto teve o apoio e a parceria da Fundição Progresso. A ideia de revitalizar a área verde deu tão certo que estamos torcendo para que ela possa se difundir por outras áreas do Centro da Cidade. No local, foram plantadas batata doce, feijão, bananeira e árvores frutíferas de pequeno porte.

Vereadores aprovam orçamento para 2018
A câmara de vereadores do Rio aprovou no final do ano passado a Lei Orçamentária anual para este ano da Prefeitura. O projeto apresentado pelo poder executivo recebeu inúmeras emendas, e prevê que o orçamento seja de R$ 29,8 bilhões. O orçamento foi aprovado com número superior à previsão de arrecadação, que gira em torno de R$ 25 bilhões. Vereadores da oposição criticaram duramente a rapidez com que a matéria foi votada na Câmara, em menos de duas horas, durante a madrugada, antes do início do  recesso. Vereadores argumentaram que deveria ter mais tempo para estudar o assunto. Dentro da previsão de arrecadação para 2018, está incluída a contribuição dos inativos, projeto que ainda não foi aprovado pela Câmara e deverá ser votado no início deste ano. Caso seja aprovada, a contribuição representará cerca de 60 milhões a mais no caixa do Município. Além deste imposto, outras medidas irão contribuir para que haja um aumento na arrecadação do Município, inclusive as novas regras do  IPTU.

Rua do Resende e as chuvas de verão
É só chegar a época das chuvas de verão que os moradores e frequentadores da Rua do Resende no Centro ficam apreensivos por conta dos alagamentos na região. O problema persiste há muito tempo, devido às redes de tubulações serem antigas e não darem vazão ao volume de água das chuvas. As tubulações precisam ser modernizadas para que o problema seja efetivamente resolvido. A operação Ralo Limpo, da Prefeitura realizou manutenção e limpeza em pontos críticos da Rua, a fim de minimizar os efeitos causados pela chuva. A operação vai até o mês de março. É importante salientar e pedir para que as pessoas não joguem lixo nas ruas, principalmente nessa região que recebe grande volume de água que desce de Santa Tereza durante as chuvas. Vamos jogar o lixo fora de forma responsável e consciente para que o nosso bairro não sofra tanto com os alagamentos. A Prefeitura informou que realiza constantemente a limpeza e a manutenção dos bueiros, e pede para que a população informe os pontos de necessidade específica, através do telefone 1746.  

Reforma da Previdência a caminho
O Governo de Michel Temer se prepara para o primeiro duelo político do ano de 2018. Assim que os parlamentares do Congresso voltarem do recesso, depois do Carnaval, o governo pretende emplacar as negociações sobre a Reforma da Previdência Social para conseguir os votos necessários para a aprovação. Os aliados de Temer estão otimistas, mas no Congresso há um consenso de que não será uma tarefa muito fácil para Temer. O Presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) já marcou a votação para o dia 19 de fevereiro. Michel Temer garantiu publicamente que não faltará empenho para que o texto da Reforma seja aprovado. O chefe do executivo precisa de 308 votos para que o governo saia vitorioso logo no primeiro turno da votação. O Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, divulgou que, com a aprovação do novo texto da Reforma, a economia será de R$ 468 bilhões em 10 anos. O fato é que desde que iniciou as discussões sobre a Reforma, disparou foi o número de pedidos e concessões de aposentadorias do INSS.

Museu do Amanhã: dois anos de orgulho para o Centro
O Museu do Amanhã completou recentemente dois anos de funcionamento e já se consolidou na paisagem do Centro da Cidade. Recentemente ele foi eleito o melhor museu da América do Sul e América Central. O título foi concebido pelo Leading Culture Destinations Awards, como se fosse o Oscar Britânico do setor. O museu se firmou como uma das principais atrações turísticas e culturais do Brasil. Segundo dados do Instagram, o Museu do Amanhã é o quinto local mais fotografado no país. O museu, ícone da Região Portuária do Rio, alcançou a marca de 2,5 milhões de visitantes desde a inauguração. Marca respeitável em comparação aos principais museus do país e do mundo. Vale lembrar que toda terça-feira o Museu abre as portas gratuitamente para o público.

Matriculas Escolares 2018
A secretaria de Estado de Educação divulgou no final de dezembro o resultado das inscrições escolares para o ano letivo de 2018. A listagem pode ser conferida através do site www.matriculafacilrj.gov.br. É Muito importante que os estudantes listados façam a confirmação da pré matrícula na escola em que foi selecionado até o dia 8 de janeiro. Os alunos que não foram alocados, os que não confirmarem a matrícula e os novos alunos do ensino Médio e Fundamental, poderão ainda se inscrever na segunda fase, entre os dias 16 e 19 de janeiro. A confirmação das matrículas da segunda fase será entre os dias 24 a 26 de janeiro. A partir do dia 01 de fevereiro, as matrículas serão direto na escola com as vagas remanescentes das matrículas informatizadas. É bom ficar atento para não perder as datas.

 

 
CAPA
EDIÇÕES ANTERIORES
www.jornalfolhadocentro.com.br
Admin
© 2007- FOLHA DO CENTRO - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por DMS