FOLHA DO CENTRO - 23 ANOS DE EXISTÊNCIA Edição N° 248 - Maio de 2017.
COLUNAS
NOTICIAS
FOTOS
SERVIÇOS
PREVISÃO DO TEMPO

Galeria Modernistas Localizada em Santa Teresa, o local oferece uma rica variedade cultural

Amigas e idealizadores do Projeto, Lorena Coutinho e Thelma Innecco evoluíram a hotelaria transformando-a em um espaço de cultural. A ideia não era só ter a hotelaria, mas também gastronomia, arte e entretenimento. No bairro que é Boêmio por natureza, que tem pessoas intelectuais, poetas e também muitos estrangeiros. Além de ser um lugar artístico, que une tudo isso, tem um charme diferenciado.
“A gente sempre passava por essa casa e paquerava a ideia de ter uma hospedagem com um pensamento sinta-se em casa longe de casa, e não só receber brasileiros, mas estrangeiros também e que pudessem vir pra cá e se sentir como é ser carioca e ter uma vida de carioca. Nos gostamos desse ambiente acolhedor e caseiro com toda a infraestrutura e todo charme. Como Thelma é escultora e ceramista, ela adorou a ideia e evoluiu a hotelaria que possui cinco quartos, cada dedicado a um artista modernista (Di Cavalcanti, Tarsila do Amaral, Oswald de Andrade e ao Bispo do Rosário). Os hospedes dizem que parecem que estão dormindo num quadro numa tela. [...] Então Thelma também pensou na ideia de pintar a garagem e transformar numa galeria de arte. Estamos mantendo a galeria há quatro anos, sendo dois anos de reforma pesada pra manter a fachada e estrutura pra tudo isso. Fazemos exposição a cada três meses.” Destaca Lorena.
A exposição cabra-cega que acontece entre os dias 28 de Abril e 27 de Maio na Galeria Modernistas, em Santa Teresa é uma visita ao imaginário dos artistas, Dado Oliveira e Patrícia Chaves. Através de um inventário iconográfico expresso em pinturas eles se relacionam com o jogo infantil de maneira a remontar elementos paradoxais do fenômeno da visão.
As aproximações e distanciamentos contidos nas obras aqui reunidas remetem aos movimentos de abrir e fechar característicos do pestanejar dos olhos. A visão trás consigo todo o peso de poder ter acesso a algo que é exterior. E, é justamente através dela que a exterioridade se revela por excelência nos seus aspectos impossíveis de apreender, afirma a curadora Gabriela Dottori.
Sobre os artistas:
Dado de Oliveira, natural do Rio de Janeiro, tem sua pintura marcada pelo traço solto e pela saturação de cores que se convertem numa expressão plástica propositalmente infantil e desafiadora. É numa posição análoga a das crianças, nos seus processos de descoberta do mundo, que ele trás em si uma subjetividade tão latente quanto manifesta em sua obra.
Patrícia Chaves, natural do Rio de Janeiro, apresenta telas compostas por pinturas figurativas que explicitam composições furtivas, carregadas de sexualidade, agressividade, desamparo e do duplo lugar da figura de poder “opressor-oprimido”. Os trabalhos construídos pela artista trazem a estética inacabada como mote conceitual. Tanto sua técnica quanto sua temática aponta para uma identidade visual autoral.
Serviço:
Exposição: Cabra-cega
Artistas: Dado Oliveira e Patrícia Chaves
Curadoria: Gabriela Dottori
Data de abertura: 27 de abril de 2017 18h
Período: 28/04/17 à 27/05/2017
Galeria Modernistas
Endereço: Rua Paschoal Carlos Magno, 39 - Santa Teresa, Rio de Janeiro.
Horário de visitação: quarta a domingo, das 10h às 19h
Horários alternativos podem ser agendados através dos seguintes contatos:
Telefone: (21) 38528265
E-mail: modernistashospedagem@gmail.com
Site: http://www.modernistashotel.com

 

 
CAPA
EDIÇÕES ANTERIORES
www.jornalfolhadocentro.com.br
Admin
© 2007- FOLHA DO CENTRO - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por DMS