FOLHA DO CENTRO - 23 ANOS DE EXISTÊNCIA Edição N° 247 - Abril de 2017.
COLUNAS
NOTICIAS
FOTOS
SERVIÇOS
PREVISÃO DO TEMPO

Festa do Divino Espírito Santo comemora 50 anos na Casa do Maranhão

Organizada em 1967, pelo pai de santo Manuel Nolasco, como forma de unir os grupos de maranhenses na cidade que por diversas dificuldades, como financeiras, não podiam retornar para seu estado de origem. A festa do Divino é realizada da mesma forma como é comemoração feita no Maranhão. Ela também é praticada em outras regiões do Brasil, como Pirenópolis, em Goiás onde a característica da celebração é a cavalgada, já no Maranhão, são as Caixeiras do Divino.
Com origem portuguesa, a festa do Divino Espírito Santo, começa 15 dias antes de Pentecostes, sendo dividida em três etapa, levantamento do mastro, a bênção a corda e terminando com o derrubamento do mastro, onde as caixeiras, personagens características dessa festa, cantam e rezam. No Brasil celebração assumiu características também das religiões de matriz africana, assumindo um sincretismo em sua realização.
Em 2017, a Festa do Divino Espírito Santo, comemora 50 anos de existência no Rio de Janeiro, onde é organizada pela Casa do Maranhão. De acordo com Diniz, ex tesoureiro da Casa, uma das maiores dificuldades que o centro cultural enfrenta é com patrocínio e auxílio para a compra de alimentos para a festa. Tradicionalmente os almoços servidos durante as festividades devem ser gratuitos e para que esse costume seja mantido, são organizados churrascos, além da venda de artesanato.
Criada em 1982, a Casa do Maranhão, formada pelos intelectuais que viviam no Rio de Janeiro, com o objetivo de ser um ponto de encontro e recepção dos maranhenses que chegavam à cidade. O lugar se tornou além de uma representação maranhense no Rio, também atua como projeto social através de oficinas, uma delas de caxeira.
Para quem ficou curioso sobre a Casa do Maranhão, ela está localizada na Rua Senador Pompeu 34, no Centro histórico. A festa do Divino Espírito Santo vai começar no dia 21 de maio com o levantamento do mastro, se encerrando no dia 5 de junho com a passagem do trono. Outras informações estão disponíveis no facebook da Casa do Maranhão ou no site casadomaranhao.wordpress.com.
Abaixo segue a programação completa para você aproveitar a festa:
21/05 – Levantamento do Mastro (Ilha do Governador)
13h – Almoço maranhense
17h – Abertura da tribuna
18h – Levantamento do Mastro
19h – Ladainha clube Ascaer – (Praia de São Bento, 271 – Ilha do Governador)
04/06 – Bênção a Coroa
10h – Missa na Igreja de Santa Rita de Cássia (Rua Visconde de Inhaúma – Centro)
11:30 – Entrega de donativos na Igreja
13h – Procissão e cortejo dos impérios (Praia de São Bento, 271 – Ilha do Governador)
13:30 – Coroação dos impérios seguida de ladainha e toque de caixa
14h - Almoço para o império e em seguida para o público
18h – Ladainha e toque de caixa na sala tribuna
05/06 – Derrubamento do mastro com passagem do trono (Ilha do Governador)
19h – Derrubamento do mastro
20h – Jantar maranhense
21h – Passagem do trono, posse dos novos impérios e fechamento da tribuna
22h – Distribuição de bolos e doces os impérios no dia da missa na Igreja.

 

 
CAPA
EDIÇÕES ANTERIORES
www.jornalfolhadocentro.com.br
Admin
© 2007- FOLHA DO CENTRO - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por DMS